Mês: março 2016

O Cara e o Tempo

E o mundo girando.

O cara quebra um país rico, rouba até copo descartável da copa, acredita ser intocável… e o mundo girando.

O cara tripudia, esnoba, manipula e achincalha… e o mundo, girando.

O cara ataca, late, mostra os dentes, rosna, morde e mata… e o mundo gira e gira.

O cara tanto faz, destrata, enfrenta e vocifera, com a água na cintura a curriola de chupins o abandona a fim de respirar, a água já está na cintura… e o mundo, girando.

Acuado, o cara representa mal e porcamente, se descontrola, se desespera e começa a ver que a Natureza não atende a seus caprichos, começa a colheita. E o mundo… girando.

O cara que acreditava ser dono do mundo se vê como é de fato, nú e só, imperfeito e vulnerável, e o mundo não para.

E o mundo gira.. e gira… e gira.

 

O Brasileiro e a Política

Penso que brasileiro lida com política baseado em paixão. Como no futebol.

Política é pra ser pensada, avaliada e raciocinada, razão deve ser a base.

Estamos burros, emburrecidos. Não há como esperar comportamento racional de um povo emburrecido.

Ele sempre vai empunhar a bandeira de seu partido como se estivesse na arquibancada do Maraca.

Sempre vai botar a culpa no juiz.

Sempre vai ver só o que lhe convier.

Paixão é uma merda.